Proteção Animal, Receitas Veganas e Vegetarianas, Direitos dos Animais

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Realidade de uma viralata: Sem amor/Com MUITO amor - MEL

A Mel é uma cachorrinha comum, a típica viralata. Foi resgatada das ruas de Fortaleza em agosto de 2015. Seu estado era lamentável! Era TANTO carrapato que caía do corpo dela, quando chegou na clínica, que os clientes ficavam olhando com repúdio (nojo mesmo). Mas eu não sentia isto, muito pelo contrário, sentia muito carinho por aquele ser tão sofrido. Diagnosticada com calazar.




Hoje visitando ela na clínica (sim, está hospedada lá à espera de adoção), tive a sensação clara do que ela significa para mim: ela esquenta meu coração. Sinto tanto amor por ela, que transborda. Foi uma luta muito grande para não deixa-la morrer, muita dedicação e cuidados médicos. Teve um momento que o próprio veterinário considerou sua situação obscura, sem muitas esperanças. Em nenhum momento pensei em desistir. Ela não bebia e não comia. Todo dia ia visita-la e levava frango e carne moída, isto motivava sua alimentação, dava na boca. Água? Não, não queria beber, e precisava!, pois seus rins estavam sendo afetados pela medicação contra o calazar. Lembrei que quando estamos hospitalizados, principalmente em estado crítico, recebemos água em um pedaço de algodão. Foi o que fiz e, assim, Mel bebeu muita água, ao longo de vários dias.

E hoje, hoje ela bebe água sozinha, come muita ração, corre, brinca e se delicia por estar viva.

E o meu prazer? É vê-la viva e FELIZ. Simples assim. Esperando ADOÇÃO responsável e amorosa.




Nenhum comentário: