Proteção Animal, Receitas Veganas e Vegetarianas, Direitos dos Animais

sábado, 31 de agosto de 2013

Qual a consequência para as pessoas que maltratam os animais na Espiritualidade?

Filó em seu merecido descanso depois do banho

Vivemos neste mundo ainda primitivo e por isso estamos em um estágio arrasado. Faz parte do nosso aprendizado o convívio pacífico com nossos companheiros de viagem evolutiva. Entre estes companheiros estão os animais. Muitas pessoas, por estarem ainda em aprendizado sobre o convívio com estes companheiros não-humanos, os vêem como seres inferiores e por isso mesmo creem, equivocadamente, ter direitos sobre eles. Alguns não sabem ou não acreditam que sentem dor e sofrem. Outros sabem disso, mas se divertem infringindo-lhes dor. De acordo com a Lei de Igualdade, os animais são tão importantes para Deus quanto nós. Não podemos nos colocar acima deles, a ponto de tê-los como objetos de nosso desfrute. Certamente, aquele que abusa dos animais, maltratando-os e fazendo-os sofrer, terá de acertar suas contas antes de continuar a evoluir. A Justiça da Terra pode não ser eficaz contra os agressores dos animais, mas a Divina não falha. Se formos agressores teremos a oportunidade de encontrar situações para nos redimir do mal que lhes fizemos e somente então prosseguiremos com nossa carreira evolutiva. Não por castigo, pois Deus não castiga ninguém, mas por Misericórdia Divina, que sempre dá oportunidade ao faltoso de expiar seu erro e aprender com ele.

(Respostas dadas por Marcel Benedetipublicadas no site Comunidade Espírita).

Por este e por vários outros motivos, penso que o ser humano deve contribuir para a evolução dos seus amigos animais, oferecendo amor, cuidados e oportunidades de aprendizado. NUNCA usar a força e a maldade para submeter estes seres que não podem se defender. SEMPRE amá-los e respeitá-los. FICA A DICA! 
Espero que tenham gostado deste texto, bjos. 


Nenhum comentário: